8.9.09

imagination and the experience of god



(fotografia de imogen cunningham, "on mt. rainer #1", 1915)


"Como posso ter a certeza de que esta comunicação vem de Deus? Como hei-de saber que não se trata da minha própria imaginação?

Qual é a diferença? Não vês que Eu posso, com toda a facilidade, comunicar através da tua imaginação como de qualquer outra coisa? Transmitir-te-ei, a qualquer momento, os pensamentos, palavras e sentimentos certos e exactos, precisamente adequados ao objectivo em causa, utilizando um ou vários meios. Saberás que estas palavras vêm de Mim porque tu, de moto próprio, nunca as proferiste de forma tão clara." (1)

neale donald walsch



(1) WALSCH, Neale Donald - Conversas com Deus. 14ª ed. Cascais: Sinais de Fogo, 2003. ISBN 972-8541-05-8. pg. 23.

7 comentários:

pin gente disse...

penso que, na vida, há sempre uma altura em que tentamos comunicar com deus, ainda que seja apenas para tentarmos certificar-nos se existe.
um forte abraço
luísa

Maeles Geisler disse...

é possível conhecer Deus se a imagem no espelho reflete o vazio?

Adorei o texto

Abraços

Mel disse...

E quantas vezes a nossa imaginação ultrapassa "o sentir" da realidade que nos envolve?

Há maior milagre doque a fè?;)

Mel disse...

P.S Ou milagre mais capaz?*

jorge vicente disse...

há, minha querida amiga, o amor!

grande beijinho
jorge

jorge vicente disse...

luísa, e há tanto tempo que estou para ler este livro. 2 anos!!!

muitos beijinhos!!!
jorge

jorge vicente disse...

se a imagem reflecte o vazio...

claro que não!

saudades...

beijinhos
jorge