21.4.08

tradições da índia: allan kardec



(trabalho de A. Balasubramaniam, "untitled", 2007)

"955. podem ser consideradas suicidas e sofrem as consequências de um suicídio as mulheres que, em certos países, se queimam voluntariamente sobre os corpos dos maridos?

«obedecem a um preconceito e, muitas vezes, mais à força do que por vontade. julgam cumprir um dever e esse não é o carácter do suicídio. encontram desculpa na nulidade moral que as caracteriza, em a sua maioria, e na ignorância em que se acham. esses usos bárbaros e estúpidos desaparecem com o advento da civilização»"

allan kardec



(1) KARDEC, Allan - O livro dos espíritos. 90ªed. Brasília: Federação Espírita Brasileira, 2007. ISBN 978-85-7328-086-9. p. 497.

3 comentários:

Carla disse...

tradições que me deixam estupfacta! apenas o silêncio dorido perante esta realidade
bom fim de semana

M. disse...

Queimadas vivas..

entre outras tantas tradições que por aí andam no mundo e ainda hoje.. chocantes. para nós assemelham.se a violações dos direitos humanos. para eles, apenas um dever voluntário lavadas na ignorância quase desconhecendo que há outras opções.

e enfim..

pin gente disse...

queremos morreu mas não nos deixamos morrer... entregamo-nos a uma morte lenta, a um definhar natural e ouvimos a frase "vais ver que como o tempo..." odiamo-la.
achamos que o tempo nada cura .
mas é ele que, sem dar nas vistas, vai fazendo o seu papel. o corpo vai-se entregando a novas alegrias, a novos momentos e o tempo continua a passar sem dar nas vistas...

abraço