12.1.08

A cura pelas mãos, segundo Allan Kardec



(fotografia de Ted Jones, "Janis #20 Mother and Child", s/d)

"556. Têm algumas pessoas, verdadeiramente, o poder de curar pelo simples contacto?

«A força magnética pode chegar até aí, quando secundada pela pureza dos sentimentos e por um ardente desejo de fazer o bem; nesses casos, os bons Espíritos vêm em seu auxílio. Mas devemos desconfiar da maneira como pessoas muito crédulas e muito entusiastas contam as coisas, sempre dispostas a considerar maravilhoso o que há de mais simples e mais natural. Importa desconfiar também das narrativas interesseiras, feitas por aqueles que exploram em seu proveito a credulidade alheia.» (1)

Allan Kardec



(1) KARDEC, Allan - O Livro dos Espíritos. 2ªed. Mem Martins: Livros de Vida, 2005. ISBN 972-760-108-1. p. 236.


Pelos vistos, já Kardec prenunciava a prática do reiki, da cura prânica, das curas de Barbara Brennan e de milhares de práticas energéticas que se viriam a popularizar no século XX.

5 comentários:

isabel mendes ferreira disse...

Tu "curas-me"...
venho aqui em busca de paz...e levo-A.





beijossssssssssssssss.

cadeiradopoder disse...

É a força do pensar positivo. Um bom ano para si!

alice disse...

até já, jorge. boa viagem :)

isabel mendes ferreira disse...

hum hum hum....



beijos aos dois!!!!!!!



meninos "lindos".

MARIA disse...

Com as mãos que acariciamos aqueles que amamos certamente "curamos", no sentido em que nos fazem bem os afectos.
Eu acredito que há mãos que curam.